sábado, 26 de março de 2016

Quando eu penso no IDE...

Eu penso em missões, eu penso em desafios, 

Eu vejo uma longa estrada, 

Eu sinto e eu tenho receios, dúvidas, incertezas... 

Eu vejo dependência. 


Eu vejo atos, eu vejo amor, 

Eu penso em lugares sendo alcançados... 

Eu vejo a materialização da fé!  

Eu vejo Deus nos permitindo e nos convidando 

Para participar do que Ele está fazendo. 


Quando eu penso no IDE, 

Eu me perco em muitos pensamentos... 

Eu vejo muitas coisas interligadas 

E eu percebo que não posso deixar de fazer parte disso! 


Eu vejo muitas pessoas envolvidas...   

Mas quando comparados à população mundial, 

Numericamente, somos poucos. 

Eu penso em união, eu vejo cooperação 

E neste cenário, eu vejo a expansão do Reino. 


Eu penso em amigos, eu vejo irmãos, eu penso em novos amigos irmãos... 

Eu percebo que não sei definir o IDE (na verdade eu não sou boa com definições) 

O IDE não é uma simples sugestão de Cristo, 

Mas também não é a obrigação que me move a ir. 


Eu sei que há desafios, envolve obediência, dependência... 

Gratidão! 

Mas se eu não tiver amor... 

Amá-Lo me move, me constrange e me faz amar. 


Quando eu penso no IDE, 

Eu penso que só há uma alternativa: 

Fazer parte do que Ele já está fazendo. 

E não importa o lugar, pois é Ele quem vai me guiar. 

Por isso só me resta dizer: eis-me aqui! 

terça-feira, 22 de março de 2016

Eu tenho amigos

Eu tenho amigos que são pra vida toda 

E alguns que são pra toda eternidade. (acho que vamos nos aturar bastante!) 

Eu tenho amigos que se tornaram irmãos 

E eu tenho irmãos que são bons amigos. 


Eu tenho amigos que falam muito 

E outros que preferem ouvir. 

Eu tenho amigos parecem ser sérios 

E alguns nem tentando conseguem parecer sérios. 


Eu tenho amigos que se for conversar pelo telefone é melhor se acomodar porque a ligação será longa. 

Eu tenho amigos que gostam de ficar o dia todo conversando, 

Mesmo que seja por mensagem ou simples emoji no whatsapp. 

Eu tenho amigos que parecem preferir guardar o assunto durante um bom tempo 

E assim, quando nos falamos, viramos a noite conversando. 


Eu tenho amigos que conhecem minhas caras e bocas. 

Eu tenho amigos que pra conversar nem precisamos usar palavras 

Bastar um olhar, um sorriso… As entrelinhas tornaram-se tão eficientes! 

Seja por ligação, por mensagem ou pelo olhar… Amigos se entendem. 


Amigos não são amigos só porque gostam da zoeira que fazem juntos. 

Amigos são amigos porque se importam, se preocupam, porque se amam… 

Não é simplesmente querer saber se estás feliz ou triste, 

Mas é querer saber porque estamos felizes ou tristes… 


Sim, amigos compartilham dores e alegrias! 

Amigos riem juntos e também choram. 

Suas dúvidas, inquietações e até insônias… 

Deixam de ser só suas quando tens amigos. 


Esse texto só tem sentido porque 

Eu tenho amigos 

Isso não requer explicação, 

Mas em mim gera gratidão! 


Cristo, meu melhor amigo, já me mostrou a importância da amizade 

E como somos transformados através das amizades que temos! 

Hoje uso cada vez mais a segunda pessoa nas minhas frases, 

Falar oxente, véio, massa, barril e até gracias tornou-se normal (porém égua ainda é demais pra mim!) 

Amizades influenciam… 


Eu não vou fazer como o cantor que guardou os amigos no peito… 

Não, não mesmo! 

Eu não vou guardar minhas amizades 

Eu vou usufruir delas todos os dias. 


Vou investir meu tempo, vou perder a noção do tempo… 

Horas, meses, anos podem passar e eu continuarei sendo grata por vocês existirem! 

E mesmo que eu não veja todos, todos os dias… Todos os dias eu lembro de vocês. 

Vocês são motivos da minha oração seja pedindo ou em gratidão. 


Minhas histórias não seriam as mesmas se me tirassem os amigos…



sexta-feira, 18 de março de 2016

Nele eu descanso =D

Existe uma paz que excede nosso entendimento… 

E essa paz só em Deus encontramos! 

Estar nEle nos traz paz, 

Pois sabemos que dEle dependemos. 


Meus passos, minhas escolhas, 

Meu caminhar 

Não estão focados no agora 

E é por isso que posso descansar! 


Descanso, mesmo sabendo que não tenho o controle de tudo.

Descanso, mesmo quando não sei direito o que fazer. 

E mesmo estando inquieta e com mil coisas passando na minha mente… 

Descanso, pois lembro que sou dependente! 


Dependente dAquele que me criou, 

Aquele que tem cuidado de mim, 

Aquele que tem pensamentos maiores do que os meus… 

Sou dependente dAquele que é perfeito! 


Eu nem sei bem todas as qualidades que Ele tem… 

Ele é grandioso! 

Por isso meus passos, minhas escolhas, meu caminhar 

Buscam nEle convergir, Ele é o centro de tudo. 


E mesmo que aqui eu seja finita, 

Ele é eterno e eu sou templo do seu Espírito… 

Eu sigo sendo viajante nesse mundo efêmero, 

Mas com a certeza de que em breve estarei no meu lar eterno. 


E é esta certeza que me permite descansar…

quarta-feira, 9 de março de 2016

Cidade luz isolada da Luz (?)

Prédios,

Construções,

Concretos e asfalto 

Por toda parte. 


A linda cidade luz 

Nas cores escode as trevas. 

Seu grito ecoa mesmo no silêncio. 

E mesmo que muitos não notem 

A Luz continua ali presente! 


São muitas as construções, muito belas por sinal 

E com o tempo parece que elas foram isoladas 

Talvez fora uma tentativa de prender a alegria 

Dentro dessas construções… 


Isoladas, 

Sim, as construções foram isoladas, 

Mas a alegria não está lá aprisionada. 

Hoje esse isolante tornou-se espesso 

E a Luz, aparentemente, ficou distante… 


Na verdade a busca pela alegria fora baseada 

Na força que possuímos, mas não somos autossuficientes 

E sem perceber nos afastamos da alegria 

Ao buscá-la de forma independe. 


A cidade luz ficou isolada da Luz... 

Mas a Verdade ainda pode ser (novamente) revelada! 

No meio das muitas construções, 

Existem algumas nas quais a Luz já penetrou 

E a alegria lá chegou. 


A Luz sempre esteve ali presente, (Ele está em toda parte) 

Mas nem sempre fora notada… 

É preciso fazê-La notável! 

Os pequenos pontos de luz podem voltar a iluminar a cidade luz. 


Pequenos luminares juntos iluminam de forma mais intensa… 

Quem tem a Luz, torna-se luz 

E não pode se esconder. 

As trevas que precisam correr, 

Ou melhor, irão desaparecer! 


De forma bem sutil,

As trevas aos poucos foi se alojando… 

Criou-se uma resistência a Luz! 

Mas o grito silencioso já fora ouvido. 


A verdadeira alegria não é achada de forma independente 

E não há alegria nas trevas, 

(Talvez até exista uma pseudo-sensação passageira de alegria)… 

Não é se isolando da Luz que a cidade luz voltará a brilhar 

Independente da resistência a verdadeira alegria chegará! 


A linda cidade luz, com suas cores, tem escondido as trevas. 

Seu grito, mesmo silencioso, tem ecoado 

Novos luminares chegarão 

E a Luz será notada, pois intensamente brilhará… 


A cidade que um dia experimentou a Luz 

Voltará a ser iluminada..